sábado, 17 de agosto de 2013

Sonhos de nosso Pai-Fundador: A Escola do Louvor de Deus

Fraternidade Jesus Salvador: sonhos de nosso Pai-Fundador
A Escola do Louvor de Deus

            Abaixo colocamos algumas observações de nosso Pai-Fundador, Pe Gilberto Maria Defina, sjs sobre alguns aspectos e desejos sobre a Fraternidade Jesus Salvador.
             

Objetivo da Obra – “Seu objetivo principal primário é o Louvor de Deus, sob todas as suas formas, a litúrgica, em primeiro lugar; e secundário, - como consequência desse louvor -, a santificação pessoal e comunitária, através da consagração ao Espírito Santo, Deus-Amor”.[1]


“- Acreditamos que, sendo Obra do Espírito de Deus, a Fraternidade[2] só pode ter a Ele como dono e Senhor. É propriedade do Senhor (...). Por isso, esta Fraternidade poderá ser conduzida por homens e mulheres sobre os quais paire o Espírito do Senhor, nunca porém, dela usando em benefício exclusivo, pois a Obra do Senhor (...) não lhes pertence, nem sequer está vinculada a um determinado Grupo de Oração, por mais carismático que o seja!

(...)

- Os que trabalham para que esta Fraternidade se torne assim acolhedora, desejam que neles acreditem que assim o será, pela divina graça de Deus e Senhor (...).

- (...) todos reunidos para um só fim: o Louvor de Deus, e com isso alcançar o que Ele quer: ‘Sede santos porque Eu, vosso Deus, sou santo’.

- A Fraternidade Senhor Jesus Salvador como sua Obra estará atenta constantemente aos sinais dos tempos, desejando que se perpetue através dela em sua existência, o derramamento do Espírito santo de Deus, que o Seu Amor Misericordioso, como em Novo Pentecostes, derramou nos corações de muitos cristãos desta geração. E para que isto continue acontecendo através dos tempos vindouros, seus servos e servas se reúnem numa Fraternidade de Amor ao Senhor (...), em Aliança com Ele, a fim de que não se perca, pela segunda vez, (ao menos na forma como Ele se apresenta a nós hoje), a Sua presença sensível, através de sinais, de prodígios e milagres, como outrora se manifestou, para seu crescimento e sustentação, nos primórdios de sua Igreja.

- Uma vez constituída e firmada em seus autênticos carismas, se for da vontade divina, manifestada através de Sua s inspirações, esta Fraternidade poderá desdobrar-se, dentro da mesma, em outras feições ou grupos que configurem intituições ede caráter comunitário, tais como:
- Institutos Religiosos (masculino/feminino)
- Institutos Seculares (masculino/feminino)
- Instituto de Vida Apostólica, ou outros.
Tais institutos poderão formar-se e viver comunitariamente em residências separadas, em terrenos da Fraternidade e alhures, conforme o Espírito os inspirar.

- É de capital importância e ‘conditio sine qua non’, ou seja, condição sem a qual não, que esta (...) Fraternidade Jesus Salvador, conforme foi por Ele inspirada, tenha obrigatoriamente o seu próprio Seminário Maior filosófico-teológico, pois, em virtude de seus peculiares carismas, possam os seus estudantes exercitarem-nos com a necessária liberdade, de acordo com as inspirações do Santo espírito, e debaixo da observância e obediência de seu Moderador Maior (Prior da Obra) e do Sr. Bispo Diocesano, onde a Fraternidade vier a existir e se fixar (...).

- Esta Fraternidade, conforme inspirada e querida pelo Senhor, só terá pleno sentido, se este Seminário Maior tornar-se realidade e ser a irradiação de toda esta Obra do Senhor (...).

- Escola do Louvor de Deus
A- Dentre as disciplinas que irão compor o Currículo de Estudos do Curso Superior de Teologia do Seminário Maior da (...) Fraternidade Jesus Salvador constarão estudos específicos de formação espiritual e doutrinal da escola de Discípulos e Ministros do reino de Deus, não propriamente visando técnicas de pregação (Retórica) e evangelização, mas de formação de Ungidos do Senhor.
- Ungidos ou cristos formarão uma escola de preparação condigna para que os futuros obreiros da Vinha do Senhor se tornem homens e mulheres apostólicos. Formará esta Escola sobretudo pessoas capazes espiritualmente e moralmente de anunciar com desassombro o Evangelho do Cristo, Del serem testemunhas e se preciso, por Ele sofrerem o martírio.
- Esta Escola preparará leigos e leigas para se tornarem aptos, em todos os sentidos, de ser Coordenadores, Pregadores, Conselheiros, Ministros, Missionários da Palavra e da Eucaristia, para os diversos ministérios leigos, e deverá ter eles Diáconos permanentes, a fim de que, os acima citados ministérios possam eles animarem, servirem e santificarem juntamente com os sacerdotes, o Povo de Deus, por todas as partes.
- A preparação de tais ministros e ministérios exigirá deles um longo tempo de 4 (quatro) anos de formação e de estudos semelhantes aos dos sacerdotes. Desta escola sairão leigos e leigas teólogos teóricos e práticos para o bem da Santa Igreja. Alguns poderão receber a ordenação de diáconos permanente, acólitos e leitores, pelo Sr. Bispo Diocesano; e para outros, o “Envio Missionário”, realizados durante a Santa Missa festiva.
B- Igualmente, o Currículo de Estudos terá uma Disciplina singular: formará, à parte, uma Escola do Louvor de Deus, pois que assim a Fraternidade, em seu Carisma essencial, se move, respira e tem existência: a glorificação de Deus. Só a glória de Deus interessa à (...) Fraternidade Jesus Salvador.
(...)
- Sendo esta uma Obra do Senhor (..), sentimos que Cristo Jesus e a Virgem Maria não nos deram nas mãos uma Obra completa e com seus contornos perfeitos. Apenas estamos nos colocando à disposição da Vontade do Senhor, que ainda não nos inspirou tudo o que estes Sagrados Corações tem em vista para a Sua e nossa Fraternidade. Sejamos humildes na espera de quanto Eles querem desta Obra do Senhor (...). Os que sentirem intimamente atraídos, ainda que surpresos pelo tamanho da tarefa, e apostarem suas esperanças ‘no quanto é bom e doce é o Senhor’, com certeza não ficarão, de forma alguma, decepcionados.
- ‘Isto é Obra do Senhor. Ele é maravilhoso’. ‘A Esperança não decepciona’, nos diz São Paulo”.[3]




[1] Pe. Gilberto Maria DEFINA. Ordem da Fraternidade Senhor Javé Salvador: Constituições, Regras de Vida e Ordenações de Estudos. São Paulo, 1995, p. 3.
[2] O nome da Obra é colocado como atualmente se chama “Fraternidade Jesus Salvador”.
[3] Pe. Gilberto Maria DEFINA. Ordem da Fraternidade Senhor Javé Salvador: Constituições, Regras de Vida e Ordenações de Estudos. São Paulo, 1995, p. 24-28.

Nenhum comentário:

Postar um comentário