quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

EXAME DE CONSCIÊNCIA SALVISTA


EXAME DE CONSCIÊNCIA SALVISTA


LAUS DEI CARITAS EST

Além do que já há nos exames de consciência tradicionais, como por exemplo:
Poderíamos acrescentar outros específicos para um pensamento salvista:

Exame inicial
TENHO SIDO UM HIPÓCRITA LAXISTA?
TENHO SIDO UM HIPÓCRITA RIGORISTA?
Aproximo-me do sacramento da confissão não acreditando na absolvição, ou para satisfazer uma norma?
Aproximo-me do sacramento da confissão por convicção ou apenas para cumprir a lei?


1º Mandamento – Amar a Deus sobre todas as coisas
TENHO SIDO UM HIPÓCRITA LAXISTA?
TENHO SIDO UM HIPÓCRITA RIGORISTA?
- tenho procurado colocar Deus como o centro de minha vida? Ou somente me utilizo da posição em que estou para “ir vivendo”?
- Tenho me utilizado de coisas, orações, pessoas, artes, filmes, ou qualquer outra coisa no lugar de Deus, colocando neles a minha fonte de vida?
- Tenho procurado conhecer o carisma do “Louvor de Deus”, ou vivo na Obra somente por conveniência?
- Tenho valorizado a minha vocação salvista e a vocação dos meus irmãos? Ou tenho relativizado a vocação salvista, não vendo nela nada de divino e mesclando com outras vocações sem discernimento?
- Tenho buscado ver a ação de Deus na natureza e na vida? Ou tenho idolatrado a natureza, absolutizando o que passa?

- A vaidade é o centro de minha vida? Tomando para mim o louvor que é de Deus? Minha ação pastoral aponta para mim ou para Deus?
- Amo a Igreja ou sou apenas um mercenário?
- No Louvor de Deus, valorizo verdadeiramente o conhecimento e a Teologia católica que ajuda-me a crescer e aos outros ou idolatro o conhecimento por si mesmo?
Coloco amizades no lugar de Deus?


- Relativizo a existência de anjos e demônios, discordando da Doutrina da Igreja Católica?




- Tenho murmurado contra a vontade de Deus em minha vida, seja interior ou exteriormente, inclusive aquelas que vem através dos meus superiores?
Tenho a Deus como um amigo? Ou como um carrasco que a qualquer momento quer o meu mal?

- Tenho colocado a comunidade, a Igreja, os santos, devoções, no lugar de Deus? Aterrorizando outros com minha visão de Deus?
- Tenho absolutizado o carisma sem conhecê-lo?

- Tenho idolatrado a vocação salvista, desprezando outras realidades eclesiais? Tenho sido arrogante nesse processo, desprezando as pessoas por causa do orgulho?
- Procurei ver a ação de Deus na natureza, nas artes, na vida humana? Ou tenho desprezado as realidade temporais como portadoras da vida de Deus?
- A vaidade é o centro de minha vida? Absolutizando estruturas ou orações, buscando a ostentação espiritual?

Amo a Igreja ou sou apensa um clericalista ou eclesiolátra?
- No Louvor de Deus, valorizo o conhecimento e a Teologia católica ou desprezo o conhecimento que me faz crescer na vida em Deus e no relacionamento com o próximo?
Desprezo as verdadeiras amizades como lugar para conhecer a Deus?
- Absolutizo o poder de anjos e demônios, colocando-os no mesmo lugar que Deus, numa posição maniqueísta?
- Tenho murmurado contra a vontade de Deus? Tenho aceitado trabalhos ou situações que me tem prejudicado não expondo ao meu superior minhas dificuldades?


2º mandamento – Tomar o santo nome de Deus em vão
TENHO SIDO UM HIPÓCRITA LAXISTA?
TENHO SIDO UM HIPÓCRITA RIGORISTA?
O nome de Deus é sagrado para mim? Ou tenho usado de forma desrespeitosa? Bem como o nome dos santos e dos anjos?
Tenho respeitado o nome do próximo, inclusive o nome religioso?
Tenho utilizado o nome de Deus de modo mágico, bem como o nome dos santos e dos anjos?


3º mandamento – Santificar os Domingos e festas de Guarda.
TENHO SIDO UM HIPÓCRITA LAXISTA?
TENHO SIDO UM HIPÓCRITA RIGORISTA?
Tenho sido fiel à Liturgia das Horas, devoções e interseção? Minha oração é um diálogo com Deus ou somente cumprimento de obrigação? Tenho procurado colocar minhas decisões perante Deus para que minha vida seja um Louvor de Deus? Celebro a Liturgia com todo o esplendor litúrgico ou tenho desrespeitado as rubricas e o “sentire cum Ecclesia” para me protagonizar, aparecendo mais que o Cristo?
Desprezo a oração em línguas cf. I Cor 14, caçôo de quem reza?
Misturo outras crenças sem discernimento? Falo “todas as religiões são iguais”?
A minha fidelidade na oração é por amor a Deus ou somente um cumprimento externo? Sou supersticioso? Tenho permitido uma oração que transforme minhas decisões, levando-me a uma sensibilidade verdadeiramente humana? Celebro a Liturgia com todo o esplendor litúrgico? Ou tomo o esplendor litúrgico como um rubricismo vazio?
Absolutizo a oração em línguas como algo mágico cf. I Cor 14, desprezo quem não reza em línguas?
Desprezo o verdadeiro ecumenismo?


4º mandamento – Honrar Pai e Mãe.
TENHO SIDO UM HIPÓCRITA LAXISTA?
TENHO SIDO UM HIPÓCRITA RIGORISTA?
- Tenho procurado aprender a obedecer? Ou minha obediência é aparente somente para me livrar do superior (pais, superiores religiosos, bispos, o papa, autoridades civis e militares)? Tenho sido um cristão que quer ouvir a voz de Deus nos superiores ou um adolescente rebelde que contesta tudo e todos? O habito ou as insígnias religiosas são desprezadas por mim ou relativizadas?
Como superior sou indolente, permito tudo, libertino, só penso em aparecer e no cargo em si?
Desprezo o fundador dos salvistas, Pe Gilberto Maria Defina, sjs, apegando-me àquilo que é humano, não vendo a Obra que Deus fez?
Tenho procurado aprender a obedecer? Ou minha obediência é automática, infantil, sem procurar ouvir e discernir a voz de Deus nos superiores(pais, superiores religiosos, bispos, o papa, autoridades civis e militares)?

Idolatro o hábito ou as insígnias religiosas, buscando a ostentação e o orgulho?


Como superior sou policialesco, desvalorizo a liberdade humana criando pequenos ditadores, amo o poder?
Idolatro o fundador dos salvistas, Pe Gilberto Maria Defnia, sjs, não estudando o carisma, e apegando-me ao humano, não vendo a Obra que Deus fez?


5º mandamento – Não Matarás
TENHO SIDO UM HIPÓCRITA LAXISTA?
TENHO SIDO UM HIPÓCRITA RIGORISTA?
- Valorizo verdadeiramente a vida humana e de toda a criação? Há idolatria no meu coração com relação à vida terrena? Idolatro o corpo humano? Idolatro o pobre, os pecadores, homens de cor diferente da minha, minorias etc? Faço acepção de pessoas? Alimento ódio no meu coração e semeio a cizânia para prejudicar os outros?
Há desprezo no meu coração com relação à vida terrena? Desprezo o pobre, os pecadores, homens de cor diferente da minha, minorias etc? Faço acepção de pessoas? Alimento ódio no meu coração e desprezo as pessoas?


6º e 9º mandamento – Não pecar contra a castidade e não cobiçar a mulher do próximo
TENHO SIDO UM HIPÓCRITA LAXISTA?
TENHO SIDO UM HIPÓCRITA RIGORISTA?
- Procuro conhecer a humanidade sacratíssima de Nosso Senhor Jesus Cristo?
- a castidade para mim é algo essencial ou conformo-me com o pensamento do mundo?
- procuro ver na castidade e na sexualidade humana o louvor de Deus? Ou pecar é normal?
- Incentivo o pecado contra a castidade achando-o normal? Ou sou indiferente?
- busco conhecer a sexualidade humana, para ajudar os outros? Ou sou indiferente?

- Idolatro o corpo humano, a beleza, não a referindo a Deus?
- Meu falar, pensar e agir é um louvor de Deus na castidade?
- Procuro conhecer a humanidade sacratíssima de Nosso Senhor Jesus Cristo?
- a castidade é um fardo para mim? Desprezo a sexualidade humana vendo nela algo de pecaminoso?
- Procuro ver na castidade o Louvor de Deus? Ou tudo é pecado, inclusive o afeto de Nosso Senhor Jesus Cristo?
- Absolutizo o pecado contra a castidade, colocando-o exclusivamente no centro de minha vida?
Busco conhecer a sexualidade humana, ou não a vejo como criada por Deus?
- Desprezo o corpo humano, bem como a beleza do corpo humano?
- Meu falar, pensar e agir é um louvor de Deus na castidade?


7º mandamento – Não furtar e não cobiçar os bens do próximo
TENHO SIDO UM HIPÓCRITA LAXISTA?
TENHO SIDO UM HIPÓCRITA RIGORISTA?
- O voto de pobreza é algo somente formal? Tenho buscado viver a pobreza ou utilizo-me de cargos e vantagens para ter o que o povo ao qual sirvo não tem?
- Tenho buscado o poder como fonte de vida, tenho colocado os dons que Deus me dá a serviço do próximo? Ou busco o poder somente pelo poder? Procuro aparecer na função que exerço?
- Não me importo se escandalizo os outros, fazendo os pequeninos se perderem?
O voto de pobreza é vivido humanamente? Ou vivo uma pobreza burra de tal modo que prejudico a mim e a outros com a vivência da pobreza?
- Tenho sido tirano no exercício do poder ou tenho me colocado verdadeiramente  a serviço? Desprezo os dons do próximo, para evidenciar os meus dons? Procuro aparecer na função que exerço?
- Sou hipócrita, e sou uma pessoa na frente dos outros e outra nas costas, escandalizando os outros com isso?


8º mandamento – Não levantar falso testemunho
TENHO SIDO UM HIPÓCRITA LAXISTA?
TENHO SIDO UM HIPÓCRITA RIGORISTA?
- Tenho consciência que somente na verdade se Louva a Deus?
- sou mentiroso contumaz? Mentir é algo normal em minha vida? Busco ser elogiado e elogio para conseguir o que quero, principalmente de superiores?
- Minhas conversas são um Louvor de Deus, ou são vãs?
- Sou transparente? Imponho meus sentimentos aos outros? 
- Tenho consciência que somente na verdade se Louva a Deus?
A mentira é base do meu modo de agir? Procuro defender a mentira? Busco aparecer e adulo superiores ou súditos?
- Alimento fofocas, detrações, maledicências etc?
- Sou transparente, ou finjo sentimentos para agradar os outros?


Nenhum comentário:

Postar um comentário